<< voltar

Número: 111
Data: 08/01/2014
Título: PREPOSIÇÕES: APÓS, (D)ENTRE, A/EM CORES, EM/COM RELAÇÃO A

--- Usava, indistintamente, após ou depois como sinônimos, e, mais tarde, fui advertido de que deveria dar preferência ao segundo. Poderia explicar-me as razões? Henrique Antunes, Recife/PE


Rigorosamente falando, há uma distinção entre os dois vocábulos:


▪ APÓS é preposição – liga palavras ou termos de uma oração: ano após ano, um após outro, Pedro após Paulo.

▪ DEPOIS é advérbio – basicamente modificador do verbo: falaremos depois, vou depois.


E temos ainda a locução prepositiva depois de, que rege um substantivo ou um pronome: depois da chuva, depois de mim, depois de você.


Acontece que após vem sendo usado há séculos também nas duas últimas situações: falaremos após, após a chuva, após mim... Já não dá para dizer que esse emprego esteja errado, mas certamente é melhor usar depois (de) com verbos e com o particípio: vamos depois, sairei depois, depois de distribuído, depois de organizado.


Recomenda-se também usar depois (nunca após) no início da oração, com o sentido de posteriormente:


Disse que não ia. Depois, disse sim.


--- Como diferenciar o uso de entre e dentre? Ângelo Gabriel Rozner, São Paulo/SP


Dentre é a combinação das preposições de + entre. Por consequência, você só vai usar dentre com verbos que exijam ao mesmo tempo as duas preposições, como sair, tirar, surgir, extrair e similares. Podemos nos certificar de que está correto o uso de dentre quando o substituímos por do meio de:


Ressurgiu dentre os mortos. [Ressurgiu de entre = do meio dos mortos.]

Tirou, dos fatos, as suas conclusões; dentre estas, tirou uma que doeu.

Pinçou, dentre os destroços, um pedaço de fotografia antiga.


No mais, use entre, principalmente com verbos transitivos diretos. Embora tenha outros significados, a preposição entre pode ser pensada aqui como equivalente a em meio a:


Citou, entre outros, Sabino e Veríssimo.

Entre tantas gravatas, comprou a mais cara.

Não distinguiu, entre os alunos, aquele que sempre tirava 10.


--- Qual o certo: TV a cores ou TV em cores e por quê? Adolpho, Belo Horizonte/MG


O correto pela norma-padrão é dizer televisão em cores, assim como se diz TV em preto e branco (e não *TV a preto e branco). Da mesma forma verifica-se, em situações similares, a preposição em:


O cartaz foi feito em várias cores.

Apareceram milhares de votos em branco.

As paredes serão pintadas em quatro tons mas em uma cor só.

Em quantas cores você quer o folheto?


Todavia, não se pode ignorar que a maioria das pessoas fala TV a cores, que devemos também aceitar, pois a preposição a costuma ser usada (sem críticas)  no lugar de em, de ou com em situações semelhantes: carro a gasolina, navio a vapor, andar a cavalo. Ver também “a domicílio” – Não Tropece na Língua 183.


--- Sempre tenho dúvida ao escrever o termo: em relação a/ com relação a. Maria da Assunção Pinto, Belo Horizonte/MG


As duas preposições iniciais – em ou com – podem ser corretamente usadas:


Nada ficou provado em relação a João ou aos negócios que ele tinha em Miami.

Com relação à documentação, verificar sua origem.


Para não ser repetitivo, anote outras locuções que podem ser utilizadas para expressar a mesma circunstância:


com referência ao assunto

com respeito ao documento

relativamente a isso

no tocante à lei

no que tange à administração

no que concerne ao tema tratado...


download PDF

<< voltar

Instituto Euclides da Cunha
Luiz Fernando de Queiroz, diretor
Rua Marechal Deodoro, 235 cj. 1204 - CEP 80020-907 - Curitiba - PR
Fone (41) 3223.6543 - linguabrasil@linguabrasil.com.br