<< voltar

Número: 107
Data: 11/12/2013
Título: MAIÚSCULAS, ITENS E PONTUAÇÃO

Professor da UFSC pede-me que esclareça a questão da pontuação e uso da maiúscula ou minúscula quando se faz uma exposição do assunto por itens, numerados ou não. E o economista Luís Cláudio, do Rio de Janeiro, pergunta: “Como se deve escrever início e fim de itens de texto?”


Maiúscula inicial, como sabemos, é para depois de ponto (final, de exclamação ou de interrogação). Depois de ponto e vírgula o que cabe é minúscula, mesmo quando há mudança de linha. Há opções, mas é preciso observar essa coerência. Sendo assim, vamos aos diversos modelos:


I – Depois dos dois-pontos, iniciar cada item com minúscula e acabar com ponto e vírgula, o que dá maior unidade aos itens. Ponto-final só no último item.
 

Exemplo 1
Do ponto de vista sociológico são cinco os aspectos relevantes capazes de fundamentar a unidade e a homogeneidade do trabalho:


1. dependência da força de trabalho da atividade remunerada, logicamente que não proprietária;

2. submissão ao controle de relação das autoridades empresarialmente organizadas;

3. risco permanente de perda das oportunidades de trabalho por motivos subjetivos ou objetivos;

4. efeito unificador da existência e atuação de grandes entidades, como por exemplo os sindicatos;

5. autoconsciência do trabalho, que é visto como fonte de toda a riqueza e cultura.
 

Exemplo 2
Por maiores que tenham sido os esforços no sentido de superar as dificuldades apontadas, conclui-se que os problemas poderão persistir, pelos seguintes motivos:


a) a estrutura é substancialmente a mesma: o controle é do juiz togado;

b) a fase de admissibilidade é praticamente o mesmo rito sumário projetado;

c) o texto diz que “o juiz rejeitará a acusação”, como se isso eliminasse os vícios da impronúncia e da absolvição sumária.


Exemplo 3
Seguem etapas do sistema:


- cadastro do usuário;

- teste integrado;

- validação;

- divulgação para uso.


II – Iniciar cada item com maiúscula e terminar com ponto-final, o que estabelece uma distinção maior entre os temas focados. Também é possível deixar os itens sem ponto, à exceção do último, quando eles se apresentam como num quadro esquemático, sem compor uma oração (isto é, sem verbo).


Exemplo 4
O que precisa ser repensado no mercado imobiliário da locação e da administração de imóveis? Mencionemos alguns pontos:


1. Garantia locatícia. Por que não flexibilizar a lei, permitindo que as partes possam estabelecer livremente o número de aluguéis que o locatário pode dar em caução, sem limitá-lo a três meses?

2. Moradia própria. Desmistificar o conceito de que somente a casa própria é digna de apoio da lei.

3. Menos encargos. As taxas de condomínio e outros encargos da locação representam hoje mais de 50% do valor do aluguel, o que vem inviabilizando a locação de muitos imóveis.

4. Acerto final. Estimular o locatário a conservar o imóvel como se seu fosse. O bom inquilino tem que ser premiado de alguma forma.


Exemplo 5
Já em 1972 ficou estabelecida a ordem de precedência em cerimônias de caráter estadual, onde se verifica esta sequência:


1) Reitores das universidades federais junto com o prefeito da cidade anfitriã

2) Secretários de Estado

3) Reitores de universidades estaduais e particulares

4) Membros de conselhos federais (Educação, Cultura, Ciência etc.).


download PDF

<< voltar

Instituto Euclides da Cunha
Luiz Fernando de Queiroz, diretor
Rua Marechal Deodoro, 235 cj. 1204 - CEP 80020-907 - Curitiba - PR
Fone (41) 3223.6543 - linguabrasil@linguabrasil.com.br