<< voltar

Número: 029
Data: 13/06/2012
Título: ESTE, ESSE OU AQUELE - PRONOMES DEMONSTRATIVOS (1)

Em português existem três pronomes demonstrativos com suas formas variáveis em gênero e número e três invariáveis [isto, isso, aquilo].  Eles assinalam a posição do objeto designado relativamente às pessoas do discurso (falante/ouvinte) e ao assunto do discurso (o ser de que se fala). Há uma estreita relação entre os pronomes PESSOAIS, os POSSESSIVOS e os DEMONSTRATIVOS:


1ª pessoa - meu - este, esta, isto          
2ª pessoa - teu - esse, essa, isso          
3ª pessoa - seu - aquele, aquela, aquilo 


Apesar de existirem regras para os pronomes demonstrativos, não se constata muita rigidez no seu uso, principalmente na fala – quando se observa uma assimilação do T pelo S (parece que tudo é isso, essa, esse) – e sobretudo no tocante ao seu emprego para lembrar ao leitor ou ouvinte o que já foi mencionado ou se vai mencionar. Vejamos então um esquema de bom emprego dos pronomes demonstrativos:


- Em relação ao LUGAR:


. o lugar onde estou  >  ESTE
. o  lugar onde você está  >  ESSE 
. o lugar distante do falante e do ouvinte >  AQUELE


Há neste ponto uma natural correlação com os advérbios de lugar: isto aqui isso aí aquilo ali / lá (jamais se diz aquilo aqui; pode-se até ouvir isso aqui, mas por causa da mencionada assimilação do T). Exemplos corretos:


Neste capítulo [o capítulo que V. está descrevendo] apresentamos os objetivos.

Veja (aqui) esta borboleta, que linda!

Que país é este ? perguntam-se os brasileiros. [referindo-se ao Brasil e no Brasil]

Pegue aqui: relacione todos os nomes citados neste livrete.

Em atenção a pedido dessa instituição, estamos remetendo a V. Sa. o boletim ECO.

Traga-me esses livros que estão com você.

Logo que puder, despacharei os pacotes para essa cidade.


- Emprego em relação ao TEMPO:


. tempo presente >  ESTE
. passado próximo  >  ESSE
. passado distante  >  AQUELE


Neste ano [trata-se do ano em curso] pouco se fez em favor dos sem-teto.

Não há ocorrência de acidentes nesta data. [hoje]

O iPhone é uma das boas invenções deste século

Nestes últimos vinte anos a mulher tem ocupado mais espaços.

A década de 20 marcou a conquista do voto pela mulher. Nesses dez anos ela travou grandes lutas pela liberdade.

Marina esteve na cidade por esses dias...

Quando éramos crianças brincávamos mais, pois naquela época não havia pré-escola, nem aulas de natação, de balé, de inglês...

Bons tempos aqueles! - diz vovó, nostálgica.


- Emprego em relação ao DISCURSO:


. o que vai ser mencionado >  ESTE


É isto que eu digo sempre: cultura é fundamental. [obs. O pronome está antes dos dois-pontos]

Nosso vizinho vive repetindo este provérbio: “Casa de ferreiro, espeto de pau”.    


. o que se mencionou antes  >  ESSE


A segunda parte do trabalho dispõe sobre a marginalidade social. É nesse capítulo / nessa parte / nesse ponto que se discutem os desvios verificados nas instituições pesquisadas.

É possível comer manga e tomar leite junto? Melancia com vinho faz mal?
Disso tratam os autores no final do artigo.


Há ainda o item “entre dois ou três fatos citados” e outros casos a serem discutidos neste tópico referente ao discurso. Continuaremos na próxima semana.
 


download PDF

<< voltar

Instituto Euclides da Cunha
Luiz Fernando de Queiroz, diretor
Rua Marechal Deodoro, 235 cj. 1204 - CEP 80020-907 - Curitiba - PR
Fone (41) 3223.6543 - linguabrasil@linguabrasil.com.br