<< voltar

Número: 140
Data: 01/07/2020
Título: MESTRIA, MANDATO, MUNICIAR, PREITO, PASSÍVEL, PARÊNTESE

> Maestria = mestria
     A protofonia da ópera O Guarani é uma criação da mais absoluta mestria.

     A maestria com que Jefferson regeu a orquestra encantou o público.


Vale usar os dois termos para se referir à habilidade, perícia, destreza ou grande saber de alguém. Mestria é a forma mais utilizada e talvez mais elegante; contudo não se pode afirmar que Maestria esteja errado. Ambos os vocábulos têm em “mestre” a sua origem (lat. maestre = mestre).


> Mandato, mandado
     O desembargador João José, logo após assumir o mandato de presidente do TRE, expediu mandado de citação aos partidos políticos.


MANDATO: além de “poderes políticos outorgados pelo voto”, significa delegação; procuração; incumbência, missão. MANDADO: mandamento, ordem; recado; ordem escrita de autoridade judicial ou administrativa. Note que a “garantia constitucional de direito individual contra ilegalidade ou abuso do poder” é com D: mandado de segurança.


> Munir = Municiar 
     Passaram a semana munindo/municiando os computadores com os números referentes às eleições de 6 de outubro.


São verbos sinônimos. Há também amuniciar e municionar, menos usados. Significado: prover, fornecer, abastecer.


> Preito, pleito
     Antes de partir para o “front”, rendeu seu preito aos heróis de todas as guerras.


Neste sentido, PREITO é homenagem, respeito. PLEITO pode ser uma questão em juízo, demanda; ou debate, discussão. Muito mais amplo é o conceito de pleitear: litigar, requerer; sustentar em discussão, defender; empenhar-se por, diligenciar (pleitear um emprego melhor); discutir, contestar; competir em mérito, rivalizar. Pleito eleitoral = eleição.


> Passível, possível
     Nada é possível fora da lei.

     Na condição de mães, somos passíveis de saudade e sofrimento.

     Meu cunhado fez concurso para fiscal da Receita, mesmo sabendo que nesse cargo ele fica passível de remoção.

     O desacato à autoridade é passível de altas penalidades.


POSSÍVEL é o que pode acontecer, que tem a possibilidade de. PASSÍVEL tanto significa “sujeito ou suscetível a experimentar sensações e emoções, a ser objeto de certas ações” quanto “sujeito a penas ou sanções”, como multa etc.

> Parêntese = parêntesis
     No meio do discurso, abriu um pequeno parêntese/parêntesis para fazer singela homenagem ao diretor recém-destituído.


Podem ser usadas as duas formas (parêntese, preferentemente) quando se quer mencionar uma “digressão, desvio ou interrupção de uma narrativa”. A palavra parênteses é usada para designar os dois sinais tipográficos: (  ).


download PDF

<< voltar

Instituto Euclides da Cunha
Luiz Fernando de Queiroz, diretor
Rua Marechal Deodoro, 235 cj. 1204 - CEP 80020-907 - Curitiba - PR
Fone (41) 3223.6543 - linguabrasil@linguabrasil.com.br